Portal do Governo Brasileiro

 

   

Aprendendo a Exportar

Formas de embalar a mercadoria

 

Embalagem

Via de regra, as mercadorias devem ser embaladas pelo vendedor, tendo em vista a proteção durante transporte, movimentação, armazenagem, comercialização e consumo.

 

Embalagem de prateleira

Integra o preço e tem finalidade estética e de proteção simples.

 

Embalagem de transporte (acondicionamento)

Proporciona maior proteção e facilitação do manuseio e deslocamento.

 

Unitização

Corresponde à alocação de um conjunto de mercadorias em uma única unidade com dimensões padronizadas, o que facilita as operações de armazenamento e movimentação da carga sob forma mecanizada. Não constitui propriamente uma embalagem, é um acessório para o deslocamento ou transporte de carga, não integrando o produto ou o conjunto de produtos armazenados.

 

Formas mais comuns de unitização

 

Pré-lingagem (amarração ou cintamento)

Envolvimento da carga por redes especiais (slings) ou cintas com alças adequadas à movimentação por alceamento.

Paletização

Utilização de plataforma de madeira ou estrado destinado a suportar carga, fixada por meio de cintas, permitindo sua movimentação mecânica com o uso de garfos de empilhadeira.

Conteinerização

Colocação da carga em contêiner (cofre de carga), que é um recipiente construído de material resistente o suficiente para suportar uso repetitivo, destinado a propiciar o transporte de mercadorias com segurança, inviolabilidade e rapidez, permitindo fácil carregamento e descarregamento e adequado à movimentação mecânica e ao transporte por diferentes equipamentos.

 

Especificidades das cargas:

 

 


 

Rotulagem e marcação de volumes

 

Outros procedimentos importantes são a marcação dos volumes (consulte a Consolidação das Portarias Secex) e a rotulagem da mercadoria. A rotulagem tem a função de transmitir a imagem da empresa, observando as regras de identificação do produto de acordo com a legislação do país importador. Sendo assim, você deve se informar acerca dessa legislação antes de criar os rótulos para o seu produto.

A marcação dos volumes, feita pelo próprio exportador, é a identificação das mercadorias e do lote a ser embarcado. Esse procedimento tem a função de individualizar as mercadorias, facilitando sua identificação por parte do importador e das autoridades alfandegárias e fiscais, tanto no embarque quanto no desembarque.

Veja abaixo alguns símbolos utilizados internacionalmente para identificar mercadorias com características especiais: